sexta-feira, 20 de julho de 2012

CUIDADO COM A DITADURA DA BELEZA

Quando leio artigos sobre culto a boa forma do corpo e sua relação com o sucesso,  escritos em revistas  de cunho jornalístico consideradas sérias, fico me perguntando: o que  está por detrás disso? 
 Talvez o interesse das indústrias de cosméticos, academias de ginásticas e vendas de suplementos alimentares que patrocinam a mídia televisiva e impressa.
O que tem a ver um corpo esbelto, magro, ou musculoso, com o bom desempenho na profissão, no mercado de trabalho e sua aceitação na sociedade? Quem foi que estabeleceu que o gordinho tem menos chance que o magro na hora de arranjar um emprego, se ele for mais bem preparado intelectualmente que o outro? Condena-se tanto os preconceitos hoje em dia, fala-se em respeito às diferenças em relação a pessoas com necessidades especiais, deficientes físicos, homossexuais etc.  e ao mesmo tempo estimulam o culto ao corpo como sendo a porta de entrada para o sucesso. A ditadura da beleza cria uma sensação de exclusão, se você não for igual aos modelos que aparecem nas revistas, nas novelas ou nos programas de falação, muito em moda agora na televisão. O politicamente correto é ser belo. Então, aquele menino ou menina que não se enquadra no padrão atual de beleza sofre bullyng na escola, com consequencias muitas vezes desastrosas. O que estamos precisando é de um país mais justo, mais igualitário com educação e saúde de boa qualidade. A mídia deveria dá mais espaços para os protestos contra o descaso na saúde pública,  porque é a falta dela que faz com que as pessoas aparentem menos belas que aquelas que podem ter acesso a um bom plano de saúde e se alimentar corretamente. De nada adianta dizer que o excesso de carboidrato é prejudicial, que causa obesidade, porque o pobre, na hora da fome, apela mesmo é para o pão, que ainda é o mais accessível financeiramente. Essa ditadura da beleza tem levado muitas adolescentes à clínicas de cirurgia plástica, para ficarem com os seios e o bumbum dentro dos padrões estabelecidos por aqueles "formadores de opinião" do sucesso. Muitas vezes correndo risco de vida, por apelar para clínicas mais baratas e até mesmo clandestinas. Até os rapazes estão apelando para o silicone no tórax a fim de parecerem "sarados". Quem ganha com isso? Não é preciso responder.
É preciso cautela na hora de editar certos artigos referentes à beleza. Não digo censurar, mas ter auto-crítica. É claro que a aparência influi na hora de pleitear um emprego, mas ninguém precisa ter uma performance de modelo, a menos que seja para desfilar nas passarelas.

Museu Náutico da Bahia. Forte Santo Antonio da Barra - Farol da Barra.

Farol da Barra - Salvador -Bahia Este é o Forte de Santo Antônio da Barra, edificado no século XVI, ocupando o Sítio da Ponta do Padrã...