Pesquisar este blog

terça-feira, 3 de julho de 2012

Qual a diferença entre a idade cronológica e a idade biológica?



O envelhecimento é onipresente não só no mundo material como no mundo vivo. Todos nós sabemos que só não envelhece quem morre jovem. Não é apenas um passar do tempo. Envelhecer é passar por modificações biológicas que ocorrem ao longo do tempo. Muitas vezes essa modificação não é logo percebida, mas sabemos fazer uma diferença entre um idoso e um jovem pela sua aparência. Mas será que sabemos distinguir a idade cronológica de uma pessoa da sua idade biológica. Será que existe uma forma de medir a diferença entre uma e outra? Nas árvores podemos determinar sua idade contando seus anéis anuais. Nos peixes contando as camadas de escamas que eles possuem. Mas nos seres humanos e na maior parte dos outros animais não há uma medição. Usamos a certidão de nascimento para medir a idade cronológica dos humanos, mas ela especifica apenas o tempo, ou seja, quantos anos se passaram a partir de um determinado ponto. Mas o tempo em si não determina os efeitos biológicos. Estes eventos ocorrem "no" tempo mas não "devido" à passagem do tempo. Em cada um de nós as modificações biológicas ocorrem em ritmos diferentes a partir do nascimento. Daí algumas pessoas aparentarem mais jovem ou mais velhos que sua idade cronológica. Cada um de nossos tecidos ou órgãos tem seu relógio biológico independente, trabalhando em ritmos diferentes dos demais. Por causa disso uma pessoa pode ser considerada mais jovem ou mais velha biologicamente que outra , vai depender da velocidade média do seu relógio biológico. Medir a idade biológica ainda é um desafio por causa do excesso de variabilidade individual nos possíveis marcadores do envelhecimento. As diferenças, de um modo geral, não estão relacionadas com a idade. Temos o exemplo das mulheres que por serem menores que os homens têm uma capacidade vital menor, mas apesar disso, em geral, vivem mais que os homens. Ainda bem, porque se soubéssemos medir a idade biológica iríamos calcular o dia de nossa morte a cada aniversário.

Se você perguntar a um chinês quantos anos ele realmente tem, vai ficar difícil de calcular porque eles se baseiam pelo calendário lunar. Um mês lunar tem 29,5 dias. Portanto fica fora de sincronização com o nosso calendário solar ocidental de 365,25 dias. A expectativa de vida hoje dos brasileiros já passa de 73 anos. Porém, melhor que se especular sobre a expectativa de vida, seria estudar a expectativa de saúde ou de vida ativa do ser humano.