Pesquisar este blog

sexta-feira, 27 de junho de 2014

Neurônios "espelhos" ou células "espelhos'


Entender as intenções de outros é fundamental para o comportamento social e isso está relacionado com os neurônios "espelho". E o que são neurônios "espelhos"?

São  neurônios que fazem com que você se sinta no lugar do outro. (eles ‘’espelham’’ internamente os atos que observamos)
Ex: Ver a pessoa que você tem empatia  (ou ama) em angústia,  os neurônios se ativam e isso pode gerar uma angústia enorme em você. E, para   se livrar dessa angústia, você procura ajudar aquela pessoa, de modo que a angústia dela ( e consequentemente a sua) desapareça. Quando você não gosta ou não tem empatia eles não funcionam ou não se ativam.
Tudo leva a crer que a atividade dos neurônios-espelho depende de quão bem conhecemos o que estamos vendo. Os neurônios-espelho reagem a um grande espectro de movimentos diferentes – seja quando pegamos um objeto, mordemos uma maçã, um amendoim ou chutamos uma bola.

Assista ao video para entender melhor
Os neurônios "espelhos" foram descobertos acidentalmente em 1994 pelo neurocientista Giacomo Rizzolatti, (28 de abril de 1937) que foi coordenador do grupo que descobriu os neurônios espelhos, após observarem a atividade cerebral de um macaco (através de eletrodos no cérebro) - Alguns cientistas consideram este tipo de células uma das descobertas mais importantes da neurociência da última década, acreditando que estes possam ser de importância crucial na imitação e aquisição da linguagem. A atividade desses neurônios pode ser observada nos humanos no córtex-pré motor e no lobo parietal inferior.
fonte -Scientific American Brasil