Pesquisar este blog

segunda-feira, 15 de maio de 2017

A culpa não é do sofá!


Criticar os pobres mortadelas é o mesmo que por a culpa no sofá do traído. Não são eles os maus, os maus são todos aqueles que deles esqueceram ou ignoraram; seja da esquerda ou da direita. Se eles se vendem por um pedaço de pão recheado de carne de segunda é porque assim foram tratados durante uma vida inteira por seus governantes. Dessem a eles condições de saborear um queijo do "Reino", no seu sanduíche, com certeza saberiam discernir e escolher o melhor para si. Não seriam manipulados e transformados em devotos daqueles que os usam apenas por fome de poder. Claro que existem os que escapam dessas manobras perversas dos espertos, donos da persuasão. Mas, a maioria dos que sucumbem a essa manipulação não o fazem por prazer ou ideologia, e sim por necessidade. Muitos nem sabem porque estão na "festa". Sugiro aos que protestam contra toda essa situação em que o Brasil atravessa, que ofereçam melhores opções de vida a essas criaturas que vêm sendo usadas e  desrespeitadas, tratadas como produto de terceira classe, há várias gerações. Combater essa prática é válido desde que haja uma forma honesta de educar e conscientizar.