sábado, 7 de julho de 2012

CUIDADO COM O AMENDOIM!

O amendoim costuma ser contaminado por uma substância altamente tóxica chamada aflatoxinas, produzidas por fungos (micotoxinas) e que é motivo de preocupação para a saúde publica mundial, já que os grãos podem ser contaminados ainda na colheita ou depois dela, no transporte ou armazenamento do produto. Os fungos responsáveis pela contaminação são principalmente os Aspergillus flavus e Aspergillus parasiticus, que são consideradas as micotoxinas mais tóxicas ao homem. As aflatoxinas não são destruídas pelo calor e são solúveis em óleo, e o amendoim torrado ou os derivados dele, como a paçoca, óleo e manteiga de amendoim, se forem feitos com os grãos contaminados podem causar risco à saúde. Um exemplo é o câncer de fígado, em populações com alta taxa de hepatite B, principalmente quando consumido durante muitos anos. Mas o consumo em grandes quantidades, em apenas um dia, do alimento contaminado, pode causar a aflatoxicose, causando dano agudo ao fígado e que também pode levar à morte.
Não há como saber se o amendoim esta contaminado, a não ser em exames de laboratório.
Também tem sido detectada a aflatoxna em produtos alimentícios originários de animais alimentados com ração contendo a toxina. Principalmente leite e seus derivados.
É importante verificar se a embalagem do produto contém um selo da Associação Brasileira de Chocolate, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados (ABICAB). Embora iso só garanta em parte a qualidade do produto.

Museu Náutico da Bahia. Forte Santo Antonio da Barra - Farol da Barra.

Farol da Barra - Salvador -Bahia Este é o Forte de Santo Antônio da Barra, edificado no século XVI, ocupando o Sítio da Ponta do Padrã...